Prótese Dentária
Implante Dentário
Clareamento Dental
Faceta de porcelana
Dentistas
A minha prótese
Preçário de próteses PT
Tabela de preços BR

 

Casos de Protese Dentaria
Uma imagem vale por mil palavras

 

 





 

Prótese Dentária
em questões



Dentes perfeitos


Coloque a sua questão de prótese dentária no campo dos comentários.


Algumas postagens do nosso Blogue:



Porque fica escura a margem de uma coroa metalo-cerâmica?

A coroa metalo-cerâmica tem uma parte metálica pelo interior, sendo recoberta por cerâmica no exterior. No lugar onde a coroa termina (margem), o metal é normalmente visível. Se o trabalho de preparo tiver sido bem executado pelo dentista, a margem da coroa dentária ficará abaixo da gengiva. Estará escondida. O que acontece é que com o passar dos anos a gengiva vai retrair junto com osso alveolar e então a margem poderá ficar exposta. Outra razão que explica a margem escura ou escurecimento da gengiva junto à margem, é a contaminação através dos óxidos da liga metálica. Este problema varia conforme o metal usado e com a eficácia na remoção de qualquer oxidação no interior da coroa antes da sua colocação.
Para evitar este tipo de problema, o melhor é decidir por uma coroa de cerâmica pura. É de todo aconselhável no caso de se tratar de dentes à frente, no maxilar superior.


É possível adaptar ou ajustar a prótese dentária?

Se a prótese for do tipo dentadura em acrílico ou nylon, é possível melhorar a sua adaptação. A este procedimento chama-se rebase. É tirado um molde da boca e a prótese leva uma camada de material novo pelo interior. Pode ser feito diretamente na boca (não aconselhado em pessoas alérgicas) ou no modelo obtido depois da tomada de impressão. Importa analisar porque é que a prótese ficou desadaptada. Poderá ter acontecido por terem sido extraídos dentes recentemente ou por já ter muitos anos. Neste último caso convém considerar a opção de se mandar fazer uma nova e usar a antiga apenas como suplente (na hipótese de ser necessário consertar a nova porque caíu e quebrou).


Branqueamento de ponte ou coroa dentária

Um dos nossos leitores veio até nós pesquisando sobre este assunto. Tudo o que podemos dizer é que as coroas ou pontes dentárias não são na sua composição iguais aos dentes naturais. Os produtos usados nos clareamentos não têm igual eficácia nos dentes de cerâmica. As alterações na cor dos dentes de porcelana é mais o resultado de um filme de superfície que poderá ser removido com uma limpeza mecânica seguida de polimento. Um dentista ou higienista dentário fácilmente levará a cabo esta operação.


Existe prótese dentária superior sem a parte do palato?

Depende do tipo de prótese. Se for removível e incluir todos ou a maioria dos dentes, NÃO! Se for removível e tiver sómente 3, 4 ou 5 dentes, poderá não cobrir o palato na totalidade, especialmente se se tratar de uma esquelética. O único caso em que palato fica sempre livre é quando se tem uma ponte fixa a implantes dentários, independentemente do número de dentes artificiais a colocar.


Qual o período de adaptação às coroas dentárias?

O período de adaptação às coroas dentárias ou a uma ponte dentária, é relativamente rápido (uma semana ou menos) quando comparado com o período de adaptação a uma prótese removível, quer parcial, quer total. Claro que durante alguns dias a língua estranhará a presença daquele "corpo estranho" e não cassará de o inspecionar mas logo se habituará e a pessoa já não terá consciência da prótese fixa recém colocada.


Quais os obstáculos à colocação de implantes dentários?

A técnica óbvia para substituir um dente perdido é o implante dentário. Porém nem sempre se pode escolher esta solução, porquê? A principal razão é a falta de osso. O implante dentário funciona como um fixador muma parede. Se essa "parede" não tiver a expessura ou consistência necessária para prender o fixador, ele não pode ser usado. Análogamente se a pessoa candidata a receber um implante dentário não possuir osso suficiente, este não pode ser colocado. Para além do referido existe mais uma condicionante em relação aos implantes, o estado dos nervos da face. Se o trigénio (por exemplo) apresentar problemas que afetem a sensibilidade da face e dos dentes, o implante não pode ser utilizado porque poderá aumentar esses problemas. Em ambos os casos a melhor solução passa por técnicas mais convencionais de prótese dentária (prótese removível ou fixa em dentes pré-existentes).


Questões sobre dentes naturais

A principal causa da falta de dentes são as doenças da gengiva. Se quiser saber mais sobre a dentição, dente de leite, dente do siso, etc. sugerimos uma visita ao site Dentes.Info.


Prótese dentária tem garantia?

Normalmente sim. Se os seus componentes forem de fabricantes de prestígio, e isso significa mais caros, têm garantia certamente. Logo os procedimentos para a reposição da prótese, seja ela qual for, fixa, removível, sobre implantes, estão também incluídos. E tem lógica porque foi isso que o paciente pagou. Existem algumas ressalvas, como no caso de negligência ou falta de cuidado extremo por parte do paciente.


Quando se parte o grampo (gancho) da esquelética :(

O metal sofre um processo físico com o uso e fica 'cansado' levando a que se parta o grampo. Sabemos que isso normalmente acontece com o gancho ou grampo de retenção. O que fazer? Levar a esquelética a um laboratório de prótese ou dentista para ser soldado, é a melhor solução. Outra maneira de resolver, que não é sempre possível, é colocar um grampo de arame de ortodôntia preso no acrílico que segura os dentes. O último recurso é fazer uma esquelética nova. Por isso nunca aperte o grampo em casa porque pode partir, deixe isso para o dentista. Se for ele a quebrar o grampo, bem... foi por isso que fomos lá, não é?


O que gostaria de saber ? Pergunte !

blog comments powered by Disqus